PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Uma sobremesa que alegra as noites frias de Junho: O Curau

Curau
Foto: Marcio Monteiro
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Popular desde o início do século XIX, o Curau é mais um dos pratos típicos da festa junina

“Eu pedi numa oração
Ao querido São João
Que me desse um matrimônio.
São João disse que não!
São João disse que não!
Isto é lá com Santo Antônio! “

Essa música, com certeza, lembra quermesse, as barracas com as prendas, quadrilha e principalmente as maravilhosas guloseimas desta época.


A receita e história de hoje é de um prato bem brasileiro: o Curau

Feito basicamente, de creme de milho, leite e açúcar e de um gosto que nos deixa atordoados com a explosão de sabores.

Vamos conhecer um pouco mais dessa maravilhosa sobremesa?

Canjica, jimbelê ou curau é uma iguaria típica da culinária brasileira. Doce, pastosa, tem como principais ingredientes creme de milho verde, leite de vaca ou de coco, açúcar e canela em pó ou em casca.

Em São Paulo e no interior, por exemplo, o curau é muito popular desde o início do século XIX, segundo afirma o grande estudioso da cultura brasileira Luís da Câmara Cascudo. Mas, ao que tudo indica, esse prato já era consumido no nordeste muitos séculos antes.

O curau é uma sobremesa deliciosa, que nos deixa com sabor de quero mais.

A receita de hoje, é simples e de fácil preparo

Ingredientes

  • Lata de milho verde (200g peso drenado)
  • 2 xícaras de leite
  • 1/2 Xícara de açúcar ou 1/2 lata de leite condensado
  • 1 Colher de sopa de Maisena (amido de milho)
  • Canela a gosto

Modo de fazer:

  1. Coloque o milho no liquidificador, já sem a água.
  2. Junte o leite e bata por 2 minutinho.
  3. Coe essa mistura e passe para uma panela apenas o liquido.
  4. Adicione o açúcar e o amido de milho dissolvido em um pouquinho de água (2 colheres (sopa) de água).
  5. Misture tudo e leve ao fogo médio.
  6. Mexa sem parar até levantar fervura.
  7. Depois que levantar fervura, abaixo o fogo e mexa por mais 15 minutinhos.
  8. Despeje numa travessa, tigelinhas ou taças individuais.
  9. Aguarde esfriar, salpique canela a gosto e sirva.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM