PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Viúva de morador executado na Vila Galvão presta depoimento à polícia nesta terça-feira

morador assassnado - vila galvão
Marcos Paulo espera o portão abrir, segundos antes de ser assassinado (Foto: Reprodução)
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Marcos Paulo foi morto com vários tiros, na segunda-feira (7), na garagem de casa

O depoimento da viúva de Marcos Paulo, assassinado na segunda-feira (7), no Jardim Vila Galvão, está marcado para hoje (9) na Delegacia Seccional de Polícia de Guarulhos. Ela prestará depoimento na condição de testemunha. A morte do comerciante é investigada pelo Setor de Homicídios. 


A viúva, 49 anos, já havia declarado à polícia no dia do crime que desconhecia ameaças ao marido ou mesmo algum inimigo que pudesse encomendar a morte de Marcos Paulo. Os dois tinham um relacionamento de 11 anos.

Os investigadores têm trabalhado para identificar o atirador e seu comparsa. Imagens das câmeras de segurança que mostram o assassinato e projéteis apreendidos no local do crime estão em poder da polícia. 

Marcos Paulo foi morto aos 45 anos em sua casa na rua Arthur Rodrigues Alcântara. Nas imagens obtidas pelo GRU Diário o comerciante está na garagem esperando o portão abrir. Ele olha para a rua e vê o criminoso que está encapuzado e de boné.

Ao tentar fugir, o comerciante escorrega e cai na garagem. A vítima é atingida com vários tiros e morre no local. O atirador deixa a casa sem levar nada, entra no Fiat e foge com o comparsa.

Segundo o boletim de ocorrência ao qual o GRU Diário teve acesso, a viúva estava dentro da casa quando ouviu os tiros de fuzil. Com medo, ela correu para o andar de cima do sobrado e fechou o portão. Em seguida, ligou para a Polícia Militar para pedir ajuda.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM