fbpx
PUBLICIDADE

Homem recebe conta de 1,1 milhão de doláres após se curar da covid-19

Foto: michael_flor
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Diferente do Brasil, nos EUA não há serviço de saúde gratuito, como o SUS

O norte-americano Michael Flor, 70 anos, recebeu a conta de sua internação no valor de 1,1 milhão de dólares (R$ 5,5 milhões de reais), segundo o jornal  americano “The Seattle Times”.

Flor, que trabalha como diretor em um centro educacional, venceu a covid-19 após ficar 62 dias internado no Centro Médico Sueco, na cidade de Issaquah, em Washington.

Nesse período,  Flor esteve entubado por 29 dias e chegou a se despedir da mulher e dos filhos em uma ligação feita por uma das enfermeiras, que segurou o telefone. Em um dos momentos em que estava acordado, chegou a pedir para sua mulher tirá-lo de lá por temer os custos. Ele brincou dizendo que o seu coração quase parou após descobrir o valor da conta.  

O relatório de internação possui 182 páginas explicando todos os procedimentos realizados pelo centro médico, totalizando cerca de 3000 mil cobranças. Apenas o custo do quarto na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) custa  9.736 dólares (R$ 49,1 mil)por dia. 

O diretor provavelmente não pagará a conta, de acordo com o jornal. O Congresso americano americano reservou mais de US$ 100 bilhões (mais de R$ 500 bilhões) para ajudar hospitais e companhias de seguros a arcar com os custos da pandemia.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM