fbpx
PUBLICIDADE

Tony Auad: A Hora do Faro perde receita milionária com queda no Ibope

Rodrigo Faro - A Hora do Faro
Foto: Antonio Chahestian/Record TV
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Apresentador que perdia apenas para a Globo também tem se dado mal nos confrontos diretos com Eliana, do SBT

Tony Auad
Foto: Divulgação

Hoje inicio a minha coluna comentando a pior fase que o apresentador Rodrigo Faro vive na Rede Record de televisão.

O comandante das tardes de domingo não consegue manter a vice-liderança desde 2018, inclusive nem mesmo os bons números das transmissões de futebol da emissora o fizeram reagir nas últimas semanas. Em razão disso, o Departamento Comercial da Record tem se preocupado por não atrair mais publicidade como antes.

Segundo um levantamento apurado pela imprensa, há cobrança forte nos bastidores para que os resultados melhorem este ano. A emissora de Edir Macedo está disposta a ir atrás de novidades para tentar incrementar o programa Hora do Faro, que só conseguia vencer o SBT e subir a audiência no período em que A Fazenda estava no ar, época que recebia os eliminados da semana do reality show.

Mas para os executivos da Rede Record de Televisão a situação é grave. Para se ter uma ideia, o quadro Famosas em Apuros, que já chegou a render bons índices de audiência, agora derruba o IBOPE  e não dá repercussão.

No último final de semana, o quadro ficou atrás até da Band, que exibia a final da Copa Africana de Nações entre Senegal e Egito, o jogo chegou a picos de 8,0 pontos contra 4,0 do quadro de Rodrigo Faro.

Nas últimas semanas, a Record usou a faixa das 16h às 18h para mostrar campeonatos estaduais de futebol e o crescimento passou de 40% em São Paulo e Rio de Janeiro. Faro não tem demonstrado fôlego para acompanhar o embalo.

Para se fazer uma análise melhor basta olhar para 30 de janeiro, quando a Record exibia São Paulo e Ituano e entregou ao apresentador 11.0 pontos de audiência às 18h00. Dez minutos depois o Ibope estava abaixo de 5.0 pontos, uma queda de 54,59 %.

Na semana entre 31 de janeiro a 6 de fevereiro, segundo a fonte Notícias da TV, Rodrigo Faro ficou fora da lista dos dez programas mais vistos nacionalmente pelo público da Record. O fato é raríssimo na trajetória dele, já que sempre foi um campeão de audiência.

No ano passado, a média geral do apresentador foi de 6,3 pontos contra 7,3 de Eliana no SBT, isso na capital paulista. Na média nacional, os índices foram mais apertados: 6.4 do SBT ante 5.8 da Rede Record de Televisão. Nos embates diretos, Eliana do SBT deu uma goleada em Rodrigo Faro: foram 47 triunfos de Eliana contra apenas 7 de Rodrigo Faro.

Outro detalhe que a coluna apurou, foi que houve uma queda na procura por Rodrigo Faro para fazer ações comerciais em seu programa nos últimos dois anos. O fato é um reflexo das derrotas para Eliana do SBT. Porém o faturamento ainda é bom, mas muito longe do que fez Faro um grande fenômeno comercial em anos anteriores.

O contrato de Rodrigo Faro foi renovado em 2018 até 2023, quando ele estava em alta e era vice-líder com folga. Segundo pesquisa, o apresentador está com a imagem desgastada. A coluna tentou um contato com a Record, mas não foi atendido.

Frase Final:  A Vitória de cada dia, está nas mãos de Deus.  

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM