fbpx
PUBLICIDADE

Papa defende lei de união civil para casais do mesmo sexo

Foto: Vatican News
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Declaração do papa ocorre em documentário disponibilizado na Itália nesta quarta-feira (21)

O Papa Francisco defendeu, em documentário que deve entrar em cartaz nesta quarta-feira (21) na Itália, o direito a casais do mesmo sexo terem uma lei de União Civil.

“As pessoas homossexuais têm direito de estar em uma família. Elas são filhas de Deus e têm direito a uma família. Ninguém deverá ser descartado ou ser infeliz por isso”, diz o Papa na produção.

Este foi um dos posicionamentos favoráveis à união civil entre pessoas do mesmo sexo realizado por um papa.

“O que precisamos criar é uma lei de união civil. Dessa forma eles são legalmente contemplados. Eu defendi isso”, ressaltou o Papa.

Vale ressaltar que ser favorável a criação de uma lei de união civil é diferente de defender que a igreja permita celebrações religiosas.

No Brasil, desde 2011, o Supremo Tribunal Federal (STF) reconheceu, por unanimidade, a união estável entre casais do mesmo sexo como instituição familiar o que garante para estes casais o que está previsto na Lei de União Estável 9.278/1996.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM