fbpx
PUBLICIDADE

Ministro do STF autoriza abertura de inquérito contra Eduardo Pazuello

Pazuello
Foto: Fabio Rodrigues Pozzbom/Agência Brasil
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Decisão atende pedido da Procuradoria-Geral da República a pedido de partidos para investigar responsabilidade do ministro da Saúde sobre colapso da Saúde em Manaus.

O ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski autorizou, nesta segunda-feira (25), a abertura de um inquérito para investigar a responsabilidade do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, no colapso da saúde em Manaus.

A investigação ocorre a pedido da Procuradoria-Geral da República, motivada por denúncias de partidos contra o atual ministro.

“Atendidos os pressupostos constitucionais, legais e regimentais, determino o encaminhamento destes autos à Polícia Federal para a instauração de inquérito, a ser concluído em 60 dias, conforme requerido pelo procurador-geral da República, ouvindo-se o ministro de Estado da Saúde”, decidiu o ministro do STF.

A oposição acredita que Pazuello teria sido omisso na situação da falta de oxigênio para pacientes de Manaus, o que resultou na morte por asfixia de diversos pacientes.

Pazuello terá cinco dias para prestar depoimento para a Polícia Federal, mas poderá escolher dia, horário e local.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM