fbpx
PUBLICIDADE

Guarulhos possui dois casos confirmados de varíola dos macacos

varíola dos macacos
Foto: Reprodução/OMS
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Transmissão da doença é mais comum pelo contato íntimo e sexual

A Secretaria de Estado da Saúde confirmou, nesta terça-feira (19), a existência de dois casos de pacientes infectados com varíola dos macacos em Guarulhos. A monkeypox, como é conhecida a doença, já atingiu 304 paulistas, sendo 260 apenas na cidade de São Paulo.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os infectados em Guarulhos são um homem de 33 anos, que foi diagnosticado em 5 de julho, e outro de 35 anos, em 8 de julho. Os dois cumprem isolamento em suas casas e não apresentam complicações.

A varíola do macaco se espalhou por vários países e preocupa as autoridades sanitárias. Vae destacar que a doença não é transmitida de macacos para humanos. A proliferação ocorre entre pessoas e o atual surto tem prevalência de transmissão de contato íntimo e sexual.

Sintomas da varíola dos macacos

  • O principal sintoma é o aparecimento de lesões parecidas com espinhas ou bolhas que podem surgir no rosto, dentro da boca ou em outras partes do corpo, como mãos, pés, peito, genitais ou ânus;
  • Caroço no pescoço, axila e virilhas;
  • Febre;
  • Dor de cabeça;
  • Calafrios;
  • Cansaço;
  • Dores musculares.

Como se proteger

  • Evitar contato íntimo ou sexual com pessoas que tenham lesões na pele;
  • Evitar beijar, abraçar ou fazer sexo com alguém com a doença;
  • Higienização das mãos com água e sabão e uso de álcool gel;
  • Não compartilhar roupas de cama, toalhas, talheres, copos, objetos pessoais ou brinquedos sexuais;
  • Uso de máscaras, protegendo contra gotículas e saliva, entre casos confirmados e contactantes.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM