fbpx
PUBLICIDADE

Grávidas e puérperas que tomaram AstraZeneca podem receber 2ª dose da Pfizer

Grávida recebe vacina contra a covid-19
Foto: Ricardo Marajó/SMCS
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Mais de 9 mil pessoas poderão completar imunização a partir de sexta-feira

O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), anunciou que as gestantes e puérperas que foram vacinadas com a primeira dose da AstraZeneca poderão completar a imunização contra a covid-19 com a vacina da Pfizer. Ele participou de coletiva de imprensa, no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista, nesta quarta-feira (21).

Mais de 9 mil gestantes e puérperas receberam a AstraZeneca, porém a aplicação da vacina está vetada ao público por causa dos efeitos colaterais. Elas poderão receber o imunizante da Pfizer a partir de sexta-feira (23).

A presidente da Sogesp (Associação de Obstetrícia e Ginecologia de São Paulo), Rossana Pulcineli, avalia que é importante as gestantes completarem a imunização, já que uma dose da vacina não garante a proteção contra a variante delta, que é a que mais assusta os epidemiologistas do mundo neste momento.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM