fbpx
PUBLICIDADE

Com problemas de saúde, mãe e filha precisam de ajuda para arcar despesas

Maria do Socorro Henrique
Foto: arquivo pessoal
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Mãe teve de amputar parte do pé por causa de necrose e filha precisa de dieta especial e ajuda com medicamentos por conta de uma colostomia

Com problemas de saúde, Daniela Rodrigues da Silva, de 39 anos, e a mãe dela, Maria do Socorro Henrique, precisam de ajuda financeira para arcar com as despesas de medicamentos, insumos e de uma dieta específica para conseguir manter o melhor estado de saúde possível.

A mãe de Daniela teve uma necrose no dedo do pé e precisou fazer uma amputação. Por conta do ocorrido ela precisa de alguns insumos básicos como gazes, soro fisiológico, pomada sulfadiazina, ataduras, esparadrapos, lenços umedecidos, sabonete líquido glicerinado e cloroxedina.

Já Daniela sofre por conta de uma colostomia necessária devido a um tumor no ovário.

Ela fez uma cirurgia em dezembro do ano passado, quando precisava tirar um tumor do ovário descobriu que o tumor estava colado ao intestino.

Foi necessário então retirar 15 centímetros do intestino e fazer um grampeamento. Entretanto, o grampo se abriu em janeiro e ela quase teve uma infecção generalizada.

Daniela foi socorrida para o outro hospital, onde fez a colostomia e precisou ficar dois meses internada.

Em julho deste ano, Daniela refez o procedimento de grampeamento, mas depois de uma semana houve um novo rompimento e a jovem teve de recolocar a bolsa de colostomia.

Em maio deste ano, Daniela procurou o GRU Diário por conta de um problema no pagamento do auxílio-doença. Depois de questionamentos feitos pela reportagem, o órgão voltou a pagar o benefício.

Mas mesmo com o benefício, os custos de tratamento e despesas essenciais de Daniela superam a renda dela.

Para complicar ainda mais a situação, uma outra cirurgia não deu certo e Daniel descobriu que está com tumores de 6 centímetros novamente.

“Com a minha renda não dá pra manter tudo. Ter a colostomia tem um custo e não consigo dar conta. Estou exausta desta luta. Irei fazer exames e talvez tenha que operar”, contou a internauta.

Quem quiser contribuir com Daniela e a mãe dela pode entrar em contato pelo número (11) 97057-1892.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM