Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.

Com irmão de Bolsonaro, Adriana Afonso lança candidatura à Prefeitura

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Wellington Alves
Error: Embedded data could not be displayed.

Adriana criticou Guti e PT durante a Convenção Municipal do PL

A ex-vereadora Adriana Afonso teve a candidatura à Prefeitura de Guarulhos confirmada na noite desta quinta-feira, na Convenção Municipal do PL, no Terraço Maia, na região central. O encontro contou com a participação de Renato Bolsonaro, irmão do presidente da República, Jair Bolsonaro.

O vice da chapa é o coronel Flamarion Ruiz, que foi indicado por Renato. Adriana tinha convidado Renato para ser candidato a vice, mas a composição não foi possível porque a Constituição Federal proíbe que parentes de primeiro grau do presidente da República concorram a cargos do Executivo, em qualquer esfera.

Para a disputa majoritária, Adriana conta também com o apoio do PMB. O deputado estadual André do Prado (PL) participou da convenção e prometeu que os parlamentares do PL vão enviar emendas para a Prefeitura, caso Adriana vença o pleito.

Discurso

Aos correligionários, Adriana chamou Guarulhos de cidade “abandonada e saqueada”. Ela disse que se inspira na gestão do presidente da República. E destacou que é a hora de eleger pessoas da direita e conservadores.

Ao criticar as gestões petistas e do prefeito Guti (PSD), ela disse que é difícil “escolher quem foi pior”. Ela afirmou que a cidade vive “20 anos da era da esquerda e da continuidade”. Sobre os vereadores atuais, Adriana comentou que são “34 secretários de saia do prefeito”, incentivando que os candidatos de sua legenda precisam “fiscalizar o Executivo”.

Apoio

O irmão do presidente destacou que é preciso escolher secretários técnicos, sem acordos políticos, para que a gestão pública seja bem sucedida. Ele disse que indicou Flamarion para a chapa com Adriana já que o coronel teve “brilhante carreira na PM” e conhece diversos setores, não apenas a segurança pública.

O presidente da República já declarou que não vai apoiar nenhum candidato no primeiro turno. Segundo Renato, seu irmão deve apoiar Adriana caso ela chegue ao segundo turno.

Error: Embedded data could not be displayed.
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram

Veja também...

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.