Unidades prisionais de Guarulhos apreendem ilícitos em correspondências

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Divulgação

Agentes penitenciários conseguiram impedir que os itens chegassem aos detentos

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa sobre apreensões de ilícitos enviados via correspondência, à Penitenciária II “Desembargador Adriano Marrey” e ao Centro de Detenção Provisória (CDP) I “ASP Giovani Martins Rodrigues”, de Guarulhos – presídios subordinados à Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Metropolitana de São Paulo (Coremetro).

Na Penitenciária II “Desembargador Adriano Marrey” de Guarulhos, no último final de semana (23 e 24), 41 pedaços de papel similares à droga sintética K4 foram encontrados e apreendidos. 

No sábado (23), os agentes de segurança penitenciária realizavam procedimento padrão de revista nas correspondências e identificaram anormalidade nas imagens do Raio-X. Ao abrirem um pacote de salgadinhos constataram que havia 39 pedaços de papel escondidos em meio ao alimento. Já no domingo (24), em uma correspondência enviada pela mãe de um recluso da penitenciária, foram apreendidos dois papéis de suposta droga sintética K4 dentro de um pacote de pratos descartáveis. As apreensões foram registradas no 8º Distrito Policial de Guarulhos.

Ainda em Guarulhos, mas no Centro de Detenção Provisória I “ASP Giovani Martins Rodrigues”, no último sábado (23), os agentes de segurança penitenciária encontraram um equipamento eletrônico, possivelmente de monitoramento de carga, escondido dentro de um maço de cigarros. O objeto foi enviado via correspondência pela companheira de um recluso. O material foi apreendido e o caso foi registrado no 4° Distrito Policial do município.

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram

Comentários...

Veja também...

- PUBLICIDADE -