PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

SP poderia iniciar flexibilização se isolamento médio fosse de 60%

Foto: Governo do Estado de São Paulo
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

PUBLICIDADE

Quarentena vigora no Estado até o final de maio; medida pode ser prorrogada

O secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann, afirmou que a flexibilização da quarentena já poderia estar em vigor se o índice de isolamento médio nas últimas semanas fosse de 60% nos municípios paulistas. A baixa adesão, inferior a 50% nos dias úteis, deve tornar mais longo o período com medidas restritivas.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Germman participou de coletiva de imprensa, no Palácio dos Bandeirantes, nesta sexta-feira (15), na capital paulista. No Estado, a pandemia está concentrada na Região Metropolitana de São Paulo, mas tem crescido rapidamente no Litoral Paulista e na região de Campinas.

O vice-governador e secretário de Estado de Governo, Rodrigo Garcia, comentou que a flexibilização da quarentena deve ocorrer por regiões, de acordo com a redução de novas infecções e disponibilidade de leitos de UTI. Até o momento, nenhuma região paulista atende as medidas.

Internamento, o Governo de São Paulo discute se haverá implantação do lockdown, que é o confinamento total.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE