PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

Secretário de Saúde diz que não prescreveria cloroquina para paciente com covid-19

Foto: Reprodução/Facebook
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

PUBLICIDADE

Medicamento defendido por Bolsonaro possui vários efeitos colaterais.

O secretário municipal de Saúde, José Mário, que é médico cardiologista, afirmou nesta quinta-feira (14), em live no Facebook, que jamais prescreveria cloroquina ou outros medicamentos com graves efeitos colaterais para seus pacientes. Apesar disso, ele disse que os médicos que quiserem podem fazê-lo, em Guarulhos, se houver acordo com os doentes ou suas famílias.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A utilização da cloroquina e hidroxocloroquina para o tratamento de covid-19 é defendida pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), mesmo nos sintomas leves. As drogas, contudo, não possuem comprovada eficácia contra o novo coronavírus.

O Conselho Federal de Medicina liberou os médicos, que quisessem, prescrever o medicamento. Já o Ministério da Saúde tem regulação de direcionar as drogas apenas para os pacientes graves. Bolsonaro disse nesta semana que vai cobrar o ministro Nelson Teich para a flexibilização da medida.

Estudos indicam alta incidência de óbitos por problemas de coração de pessoas que utilizaram cloroquina durante o tratamento da covid-19.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE