PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Saúde vai ampliar atendimento em UBS para 50% da capacidade na segunda-feira

Foto: Wellington Alves
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Com pandemia, atividades estavam reduzidas a 25% para priorizar atendimento para covid-19

A agenda programática dos profissionais que atuam nas Unidades Básicas (UBS) de Guarulhos, que estava reduzida a 25% de sua capacidade potencial para que pudessem atender à grande demanda de pessoas com sintomas de covid-19 nos últimos meses, será ampliada para 50% a partir da próxima segunda-feira, dia 2.

Isso significa que o município inicia em agosto a retomada dos atendimentos de rotina e eletivos, bem como das atividades coletivas técnico-assistenciais, sempre com observância das medidas de proteção contra o novo coronavírus.

A decisão de ampliar as agendas dos médicos, da enfermagem e da equipe multiprofissional para 50% de sua capacidade potencial a partir da próxima semana levou em consideração a queda no percentual de casos suspeitos de covid-19 que deram entrada nas UBS nos últimos meses. Em junho, 17.621 pacientes procuraram assistência nas unidades e, destes, 4.652 apresentaram síndrome gripal.

Em maio, 19.213 pessoas foram acolhidas nas UBS, com 5.924 casos de síndrome gripal. Já durante este mês, o monitoramento realizado até o último dia 23 aponta que 10.936 pacientes procuraram atendimento nas unidades, sendo 2.344 com sintomas de gripe, situação que já pode ser reflexo do avanço da vacinação na cidade.

A previsão é retomar em 100% o atendimento nas Unidades Básicas de Saúde a partir de 1º de setembro, caso a pandemia apresente tendência de queda significativa até lá. No entanto, a Secretaria de Saúde lembra que tais diretrizes podem ser revistas a qualquer momento e pede a colaboração da população para prosseguir com as medidas preventivas de enfrentamento à covid-19.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE