PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

São Paulo muda horário de rodízio para período de restrição

Protesto de motoristas de ônibus paralisa vias do centro de São Paulo
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Rodízio tradicional segue suspenso e restrição vale das 21h até as 5h de acordo com final da placa

Desde quinta-feira (10) o rodízio municipal para veículos de passeio na capital paulista vale de segunda a sexta-feira, das 21h às 5h do dia seguinte, de acordo com o final da placa, inclusive nos feriados. Já o rodízio para carros no horário tradicional das 7h às 10h e das 17h às 20h continua suspenso.


A alteração foi feita por conta da mudança do período de vigência do toque de restrição determinada pelo governo do estado. A medida, adotada desde o dia 22 de março, tem o objetivo de diminuir a circulação no horário noturno, acompanhando a restrição decretada pelo governo.

Rodízio Noturno:

Veja como funciona o rodízio noturno de acordo com o final da placa:

  • 1 e 2 – das 21h de segunda-feira às 5h de terça
  • 3 e 4 – das 21h de terça-feira às 5h de quarta
  • 5 e 6 – das 21h de quarta-feira às 5h de quinta
  • 7 e 8 – das 21h de quinta-feira às 5h de sexta
  • 9 e 0 – das 21h de sexta-feira às 5h de sábado

Caminhões e demais veículos continuam seguindo as regras do rodízio municipal tradicional, das 7h às 10h e das 17h às 20h, de acordo com o final da placa.

A Zona Azul e o horário das demais restrições existentes na cidade – Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões (ZMRC) e a Zona de Máxima Restrição aos Fretados (ZMRF) – também continuam mantidos. O não cumprimento das restrições acarreta infração média, com multa de R$ 130,16 e acréscimo de quatro pontos no prontuário do motorista.

(Texto da Agência Brasil)

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM