PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PF prende Sara Winter e mais cinco em investigação de atos antidemocráticos

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Twitter/Reprodução

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Prisão foi autorizada pelo ministro Alexandre Moraes, do Supremo Tribunal Federal

A Polícia Federal prendeu, na manhã desta segunda-feira, 15, a ativista Sara Winter e mais cinco pessoas ligadas ao grupo de extrema direita “os 300 do Brasil”, que ficou acampado em Brasília em forma de apoio ao governo federal.

No sábado, 13, parte dos manifestantes fizeram um protesto em que queimaram fogos de artifício em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF), como forma de simular um bombardeio.

A prisão foi uma solicitação da Procuradoria-Geral da República e autorizada pelo ministra Alexandre de Moraes, do STF.

A prisão foi feita no âmbito do inquérito que investiga a realização de atos antidemocráticos, embora Winter também seja investigada no inquérito das Fake News.

O acampamento dos 300 foi desmontado no sábado, por determinação do Governo do Estado. Em entrevista à Folha de São Paulo, a ativista chegou a admitir que parte dos manifestantes acampados estaria armado, mas disse que era apenas para proteção do próprio grupo.

Antes de se tornar uma bolsonarista ferrenha, Sara era conhecida por ser fundadora do movimento feminista Femen.

PUBLICIDADE

Previous
Next

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Error: Embedded data could not be displayed.
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM