PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Pesquisa revela que 58% dos jovens de Guarulhos não trabalham

Foto: Ivanildo Porto/PMG
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Entre os que trabalham, 72% ganham até R$ 1.650 por mês

Levantamento do Observatório de Direitos Humanos da Prefeitura de Guarulhos, divulgado nesta quinta-feira (12), revela que 58% dos jovens de 15 a 29 anos da cidade não trabalham. E a situação não é fácil para os que possuem ocupação: 72% recebem até 1,5 salário mínimo (R$ 1.650) por mês.

Guarulhos possui 330 mil jovens, de acordo com projeção da Fundação Seade, sendo 51% homens e 49% mulheres. A cada quatro pessoas de 15 a 29 anos, três possuem Ensino Médio completo. Apenas 7% conseguiram concluir o Ensino Superior.

O Observatório entrevistou 394 pessoas de 18 a 24 anos (47%), 256 entre 15 a 17 anos (30%) e 193 de 25 a 29 anos (23%) para compor o  4º Relatório Analítico de Indicadores de Direitos Humanos. O resultado revela que 48,6% estudam e não trabalham, 9,5% não estudam e nem trabalham, 14,1% trabalham e não estudam e 27,8% trabalham e estudam.

O estudo aponta que os jovens guarulhenses são muito dependentes de terceiros. O relatório mostra que 40,3% das pessoas de 15 a 29 anos não pagam as suas contas. Um em cada quatro jovens que não paga nenhuma de suas contas possui entre 25 e 29 anos.

De acordo com o relatório, 78% dos jovens tiveram piora da saúde emocional na pandemia do coronavírus. Durante o lançamento do estudo, o prefeito Guti (PSD), comentou que é preciso intensificar as políticas públicas para atender esse público.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE