PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Passageira é presa no Aeroporto de Guarulhos ao tentar embarcar com pau-brasil

Foto: PF
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Legislação brasileira impede a comercialização do pau-brasil

A Polícia Federal (PF) no Aeroporto Internacional de Guarulhos prendeu hoje (7), uma passageira, identificada pela Receita Federal e pelo Ibama, tentando embarcar para o exterior com madeira nacional de extração e comercialização proibida.

Fiscais do Ibama monitoravam uma mulher que havia solicitado autorização para o transporte ao exterior, de varetas feitas de pau-brasil, cuja autorização fora indeferida pelo órgão federal. Ela tentou embarcar para a Colômbia.

As malas despachadas foram submetidas à fiscalização indireta, por meio do raio-x, e ficou evidenciada a existência de material orgânico no formato de varetas. A passageira suspeita foi localizada e, na presença de testemunhas, sua bagagem foi aberta, momento em que os fiscais constataram a presença de 37 varetas feitas de pau-brasil (caesalpinia echinata).

O pau brasil apreendido tem o valor comercial estimado de 37 mil dólares, que supera R$ 190 mil. A mulher, uma brasileira de 31 anos, que pretendia usar as varetas para produção de arcos para instrumentos musicais, foi conduzida à delegacia da PF e presa em flagrante.

A presa será encaminhada à Justiça Federal onde responderá pelo crime de contrabando.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE