PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ocorrências com pipas no aeroporto de Guarulhos mais que triplicaram neste ano

avião pipa
Foto: Reprodução/Youtube/SBGR
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Linhas com cerol são capazes até mesmo de cortar partes, romper mangueiras e travar comandos de aviões

Apesar de parecer inofensiva, a brincadeira de empinar pipas próximo ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, em Cumbica, é um problema que apresenta sério risco ao espaço aéreo do local, com possibilidade de causar até mesmo acidentes.

Dados da GRU Airport, concessionária que administra o aeroporto de Guarulhos, mostram que o número de ocorrências do tipo mais triplicaram na comparação entre 2020 e 2021.

No ano passado, foram contabilizadas 47 ocorrências no entorno do aeroporto. Em 2021, já foram registradas 171 ocorrências, sendo que 74 aconteceram somente no mês de fevereiro e 65 no mês de junho.

Apesar da aparente inocência da brincadeira, o que agrava os riscos nesse tipo de prática é o do uso do cerol das linhas de pipa, também conhecidas como linha chilena, acrescido de óxido de alumínio, com intuito de cortar a linha de outras pipas.

“A comercialização desse tipo de linha é proibida em diversos locais do país porque pode causar graves acidentes. Em contato com as aeronaves as linhas das pipas podem cortar partes importantes das aeronaves, romper mangueiras hidráulicas, enroscar em comandos primários de voo das aeronaves, podendo causar travamento dos comandos essências ao voo, além de expor ao risco centenas de pessoas que trabalham nos pátios de manobras”, disse em nota a GRU Airport.

De acordo com a lei estadual 17.201/2019, a multa prevista para quem usa cerol em linha é R$ 1.450,00 (50 UFESPs – Unidades Fiscais do Estado de São Paulo). No caso de estabelecimentos comerciais flagrados vendendo a linha cortante o valor da penalidade é de R$ 145.450,00 (5 mil UFESPs).

Câmeras do Canal SBGR do Youtube, que monitoram o Aeroporto Internacional de Guarulhos, flagraram a conversa de um piloto da gol com uma controladora de voo na qual ele reclamou do excesso de pipas enquanto aterrissava na pista. A cena foi gravada em 5 de junho, mas divulgada no dia 17. Veja o vídeo:

Em uma outra ocasião, houve um atraso em uma decolagem de um voo da TAP após uma linha enrolar na cauda de um avião. Veja o vídeo:

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE