PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

Metrô adia licitação de Linha que ligará Anhangabaú até o Bosque Maia

Linha 19 tem investimento previsto de R$ 15 bilhões e entrega para 2025
Linha 19 tem investimento previsto de R$ 15 bilhões e entrega para 2025 (Foto: Governo SP)
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

PUBLICIDADE

O Metrô decidiu adiar em um mês a entrega das propostas das empresas interessadas em realizar o projeto técnico da Linha 19-Celeste, que pretende ligar o Anhangabaú, em São Paulo, até o Bosque Maia, em Guarulhos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado nesta terça-feira, 24. Inicialmente, na proposta lançada em 16 de fevereiro, a ideia era receber as propostas no dia 6 de abril, prazo modificado para 6 de maio.

Na publicação, o Metrô não informou quais os motivos que levaram a tal adiamento, mas especula-se que a alta complexidade do projeto somada aos problemas causados pelo coronavírus tenha sido um fator decisivo.

A Linha 19-Celeste terá 17,6 km de extensão, com um total de 15 estações: Bosque Maia, Guarulhos, Vila Augusta, Dutra, Itapegica, Jardim Julieta, Jardim Brasil, Jardim Japão, Curuçá, Vila Maria, Catumbi, Silva Teles, Pari, São Bento e Anhangabaú.

A expectativa de passageiros é de 630 mil por dia, com tempo de viagem estimado em menos de 30 minutos. A linha deve ser gerida pela iniciativa privada, similar ao controle da Via Quatro na Linha 4-Amarela.

A obra deve custar em torno de R$ 15 bilhões e ser concluída somente em 2025. Pelo menos 40 trens devem estar à disposição do trajeto.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE