fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Médicos se demitem do Hospital Pimentas-Bonsucesso

Hospital dos Pimentas
Foto: Divulgação
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Prefeitura, organização social e sindicato debatem problemas na unidade

O Hospital Pimentas-Bonsucesso, administrado pela organização social IDGT (Instituto de Desenvolvimento de Gestão, Tecnologia e Pesquisa em Saúde e Assistência Social), tem 15 médicos que irão trabalhar até domingo (28). O grupo alega insatisfação pela falta de insumos, informa o Sindicato dos Médicos.

A Prefeitura de Guarulhos reconhece que há dificuldade em adquirir alguns medicamentos por causa da alta demanda provocada pela pandemia, além do aumento dos preços. “Apesar das dificuldades, a diretoria (do hospital) tem trabalhado com todos os meios e o hospital vem sendo abastecido regularmente”, informou.

A maioria dos médicos que deixa o hospital são preceptores, ou seja, responsáveis pelos médicos residentes.

De acordo com a gestão municipal, nenhum paciente ficará desassistido pela falta de médicos preceptores. “Os que atuam na UTI já foram contratados e os da Clínica Médica estão em fase final de contratação, o que acontecerá antes de março”, afirmou.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM