PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Lotéricas dão golpe em brasileiros que buscam “coronavoucher”

Foto: Paulo Pinto/Fotos Públicas
Compartilhe

PUBLICIDADE

Pessoas que buscam o Auxílio Emergencial de R$ 600, do Governo Federal, conhecido como coronavoucher, têm sido enganados em casas lotéricas. O Procon Guarulhos flagrou funcionários de uma lotérica que vendiam seguro funerário para cadastrar trabalhadores que buscavam o benefício.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Em live no Facebook, nesta sexta-feira (17), o prefeito de Guarulhos, Guti (PSD), destacou que os guarulhenses que precisam do Auxílio Emergencial não precisam adquirir seguro funerário e nenhum outro item para ter acesso ao benefício. Ele afirmou que o Procon recebeu denúncias de lotéricas que adotaram essa prática.

Guti revelou a ação do Procon, mas não disse qual foi a casa lotérica autuada pelo golpe. Ele falou que as lotéricas condicionavam a abertura de conta do Auxílio Emergencial à compra do seguro por R$ 40. Quem for vítima desse golpe pode fazer a denúncia no Procon pelo telefone 151.

O Auxílio Emergencial é destinado para trabalhadores informais, desempregados e MEIs que estejam com dificuldade financeira por conta da pandemia do novo coronavírus.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE