fbpx
PUBLICIDADE

Jesus morre na Cruz para nossa alma sorrir, afirma o papa na JMJ

Papa Francisco na Via-Sacra da JMJ
Foto: Sebastião RoxoJMJ 2023
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Francisco participou de Via-Sacra com cerca de 800 mil pessoas

O papa Francisco acompanhou a Via-Sacra nesta sexta-feira (4), em Lisboa, em Portugal, na JMJ (Jornada Mundial da Juventude), que contou com cerca de 800 mil pessoas. Ele disse que Jesus Cristo morreu na Cruz para que nossa alma possa sorrir.

“Com a sua ternura, Jesus enxuga as nossas lágrimas escondidas. Jesus espera cumular, com a sua proximidade, a nossa solidão. Como são tristes os momentos de solidão! Neles está Jesus, Ele quer preencher tal solidão. Jesus quer preencher o nosso medo, o teu medo, o meu medo… esses medos obscuros quer preenchê-los com a sua consolação. Ele espera impelir-nos a abraçar o risco de amar”, disse.

As estações identificaram 14 problemas do mundo atual, como a degradação ecológica e a dependência das drogas, que foram encenados pelo grupo artístico Ensemble 23, formado por 50 jovens de 22 países.

O pontífice convidou os jovens a ficar em silêncio e pensar no próprio sofrimento, ansiedade, miséria e medo, no sentido de trabalhar no desejo de que a alma volte a sorrir.

A JMJ continua neste sábado (5) com o Festival da Juventude e a Vigília e termina no domingo (6) com a missa de encerramento.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM