fbpx
PUBLICIDADE

Isolamento social cresce 11% em Guarulhos na Sexta-feira Santa

Foto: Master1305/Freepik
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Após o governador João Doria (PSDB) ameaçar mandar prender quem não aderir ao isolamento social, o índice de participação na quarentena cresceu na cidade de Guarulhos. De acordo com o Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP), o número de guarulhenses que ficou em casa subiu 11% na Sexta-feira Santa, em comparação com o dia anterior.

Em Guarulhos, os comércios não essenciais estão proibidos de funcionar até o dia 23 de abril, assim como os eventos públicos e espaços de lazer. No sábado passado (5), Guarulhos tinha 55% de adesão ao isolamento. Esse percentual caiu para 50% na quinta-feira. Após o apelo do governador, bateu o recorde ontem ao alcançar 61%

Na opinião do coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus do Estado, o infectologista David Uip, é preciso que 70% dos paulistas entrem em isolamento social para que o sistema público de saúde não entre em colapso. Isso signifca que há risco de pessoas morrerem com covid-19 por dificuldade de respitar e sem atendimento médico, seja na rede privada ou pública.

No Estado de São Paulo, a adesão à quarentena foi de 57% dos paulistas na sexta-feira.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM