fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Guti admite vacilo da base aliada e promete propor novamente terceirização no esporte

Foto: Reprodução/Facebook/Guti
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Falta de oito vereadores contribuiu para oposição derrubar projeto na Câmara

O prefeito de Guarulhos, Guti (PSD), informou nesta quinta-feira (22) que vai reapresentar à Câmara Municipal o projeto de lei que permite a terceirização de serviços no esporte. Ele lamentou a derrubada da proposta, na sessão de ontem (21), no Legislativo, por conta da ausência de oito vereadores da base aliada.

De acordo com Guti, a terceirização no esporte vai permitir que as aulas de iniciação esportiva do programa Mais Futuro sejam conduzidas pela iniciativa privada. O texto tinha passado em primeira votação, na segunda-feira (19), mas foi prejudicado por precisar de 23 votos favoráveis – maioria absoluta -, mas só teve 17 a favor e nove contra – todos da oposição.

“Seria extremamente importante que o projeto tivesse passado ontem porque queremos modernizar, trazer a iniciativa privada para perto. Ali foi um erro de cálculo de pessoas que estavam presentes. Tem muitos vereadores que estão em campanha e podem chegar atrasados na sessão. Vamos reapresentar o projeto”, disse.

Guti enalteceu que a terceirização de serviços públicos tem sido bem-sucedida em Guarulhos. Ele citou como exemplo a zeladoria urbana, que era tocada pela Proguaru e hoje é mais elogiada com a atuação de outras empresas.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM