fbpx
PUBLICIDADE

Guarulhos é pior aeroporto sob concessão no Brasil, avalia Anac

Foto: GRU Airport/Facebook
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

O Aeroporto Internacional de Guarulhos, em Cumbica, foi o mais mal avaliado em relação aos serviços oferecidos 

O Aeroporto Internacional de Guarulhos, em Cumbica, foi avaliado como o pior em relação aos serviços oferecidos aos passageiros, de acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Ele configura a lista dos 12 aeroportos do país concedidos à iniciativa privada. São eles: Natal (RN), Brasília (DF), Campinas (SP), Belo Horizonte (MG), Galeão (RJ), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Porto Alegre (RS), Salvador (BA), Recife (PE), Curitiba (PR) e Guarulhos (SP).

Cada um deles recebe uma pontuação, chamada de “Fator Q”, divulgada anualmente que leva em conta alguns itens como conforto térmico, elevador, escada rolante, tempo em fila de inspeção, restituição de bagagem, limpeza, custo-benefício dos restaurantes, acesso a informação e acesso aos terminais.

O aeroporto que tiver um baixo desempenho, inferior ao padrão estabelecido pela Anac, é penalizado no reajuste de tarifas – com redução do valor máximo de cobrança – e pode ser multado, de acordo com as regras estabelecidas no contrato de concessão. 

“O objetivo é incentivar a melhoria contínua na prestação de serviços”, afirma a Anac.

 O índice é calculado anualmente e a última medição, feita em 2023, aponta que o resultado foi positivo em todos os aeroportos. O melhor resultado (2%) foi alcançado pelo Aeroporto de Confins (MG) e o pior desempenho (0,5%) entre eles ficou com o Aeroporto de Guarulhos (SP).

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM