PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Guarulhos bate meta de vacinação contra o coronavírus

vacinação coronavírus Matheus Menezes
Foto: Fábio Nunes Teixeira/PMG
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Cidade já aplicou mais de um milhão de doses nos guarulhenses

Com a vacinação adiantada, Guarulhos alcançou nesta semana a meta do Plano Nacional de Imunização (PNI) de proteger 90% da população adulta contra o coronavírus. Isso significa que a cada 10 guarulhenses a partir dos 18 anos, nove já receberam pelo menos uma dose do imunizante.

Nesta quarta-feira (11), a Prefeitura celebra a marca de um milhão de doses da vacina contra a covid-19 aplicadas. O jovem Matheus Menezes, de 18 anos, foi o guarulhense que recebeu a dose de número um milhão, na UBS Tranquilidade.

“É bom ver que estamos tendo uma esperança, que a gente está conseguindo vencer este vírus no Brasil inteiro e, principalmente, em Guarulhos que é uma das maiores cidades do Estado”, disse.

Pelo Twitter, o prefeito Guti (PSD) comemorou o avanço da vacinação, que está mais adiantada do que a maioria das cidades do Brasil. “É emocionante anunciar esse avanço após tantos desafios enfrentados pela população na pandemia. Não vemos a hora de ver todos vacinados!”

De acordo com o Vacinômetro, do Governo do Estado, 777.934 pessoas receberam a primeira dose da vacina em Guarulhos, 197.870 a segunda dose e 34.333 a dose única (Janssen).

Histórico

A chegada do primeiro lote de vacinas contra a covid-19 em Guarulhos foi em 20 de janeiro. As primeiras 13.680 doses de Coronavac chegaram quase no final da tarde e na mesma data foram distribuídas para os hospitais da cidade, para a imunização dos profissionais que estavam na linha de frente da pandemia naquele momento.

Um mês depois, teve início a vacinação dos profissionais das Unidades Básicas de Saúde, bem como dos trabalhadores de consultórios e clínicas particulares, além da população com idade igual ou superior a 90 anos, dos funcionários e moradores em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs), indígenas e pessoas acamadas.

Entre março e maio, a vacinação em Guarulhos enfrentou muitos problemas, com baixa quantidade de doses repassadas pelo Estado e dificuldade no agendamento. Isso ocasionou em migração de mais de quase 100 mil guarulhenses que se imunizaram na cidade de São Paulo, que tinha mais vacinas e não dependia de agendamento. Outros 30 mil moradores de outros municípios se vacinaram em Guarulhos.

Com a migração de guarulhenses e de moradores de outras cidades, a Prefeitura de São Paulo proibiu a vacinação de pessoas que não morassem na capital paulista.

O prefeito Guti (PSD) conseguiu intermediar acordo com o Ministério da Saúde e o Governo do Estado para vacinar os 27 mil funcionários do Aeroporto Internacional de Guarulhos.

Com os guarulhenses que se vacinaram em São Paulo e no Aeroporto, sobraram mais doses para os demais grupos. Para efeito de comparação, na segunda-feira (9), a Prefeitura iniciou a proteção dos jovens de 18 anos. Na capital paulista, hoje, estão sendo imunizados as pessoas de 24 anos. Para se vacinar em Guarulhos, basta acessar o link. Pessoas a partir de 35 anos não precisam de agendamento. A expectativa é que a cidade comece a imunizar os adolescentes com doenças crônicas na próxima segunda-feira (16).

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE