fbpx
PUBLICIDADE

Funcionários da Proguaru decidem nesta sexta-feira sobre elaboração de PDV

Foto: Stap
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Sindicato afirma que Plano de Demissão Voluntária só pode ter andamento se tiver concordância entre os trabalhadores

O Stap (Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública Municipal) realiza, nesta sexta-feira (23), uma assembleia com funcionários da Proguaru para definir se o sindicato participa ou não da realização de um PDV (Plano de Demissão Voluntário).

A proposta divide trabalhadores, já que alguns acreditam que a realização de um PDV pode acelerar o processo de extinção da empresa, aprovado na Câmara e sancionada pelo prefeito Guti (PSD) sob justificativa de sucessivos prejuízos nos últimos anos, o que gera a demissão de 4,7 mil pessoas.

Por outro lado, outras pessoas acreditam que a demissão voluntária de parte do efetivo viabilizaria uma reestruturação da empresa de capital misto para que houvesse a manutenção da companhia.

Presidente do sindicato, Pedro Zanotti afirmou que decidiu submeter a categoria a avaliação do PDV depois de receber um convite da Secretaria da Fazenda para debater no dia 19. Foi solicitado então adiamento desta reunião.

“São os trabalhadores que vão decidir se a gente deve ou não participar da elaboração de um PDV”, disse o presidente do Stap.

Assembleia

Sexta (23). Primeira chamada às 17h30; segunda, às 18 horas. Sede do Stap, à Avenida Esperança, 840, Vila Progresso, Guarulhos. Participe!

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM