fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Família guarulhense cai em golpe e perde R$ 75 mil ao comprar casa na praia pela OLX

Trecho da Praia Aviação, na Praia Grande (Foto: Reprodução/Google Maps)
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Vítima disse que o imóvel era um sonho antigo dos pais e do irmão; ao menos 3 pessoas participaram do crime

Uma família guarulhense foi vítima de um golpe ao pagar R$ 75 mil por uma suposta casa à venda na Praia Grande, no litoral paulista, anunciada no site OLX. A plataforma é usada para a compra e venda de diferentes itens, produtos e serviços. 

Um mecânico, de 39 anos, contou em entrevista ao jornal Costa Norte que ele, os pais, e o irmão tinham o sonho de ter uma casa na praia, e juntaram dinheiro para realizá-lo. No início deste mês, ele se interessou por um imóvel anunciado por R$ 79 mil, rua Antonio Raposo Tavares, no bairro Aviação.

A vítima começou a conversar com a anunciante, uma mulher que se identificou como Priscila. Ela o tranquilizou sobre a compra e disse que não aceitaria um sinal pela casa, apenas o valor total. O mecânico fez uma oferta para assumir suposta dívida de IPTU no valor de R$ 5 mil e pagaria mais R$ 70 mil. 

Antes de fazer o depósito, a vítima do golpe foi até Praia Grande com os pais para visitar a casa. Segundo a reportagem, assim que chegaram ao local, uma mulher chamada Carla se apresentou como caseira do imóvel. Ela afirmou que estava sem a chave e chegou a chamar por supostas pessoas que moravam lá, mas ninguém atendeu. A família então voltou para Guarulhos sem ver o imóvel ou falar com a suposta proprietária.

Mesmo após essa situação, o mecânico decidiu seguir com a compra e combinou de ir a um cartório onde apareceu uma terceira mulher, Regina, que disse ser mãe da proprietária da casa. Ela entregou parte da documentação, um suposto contrato de firma reconhecida, o restante seria entregue após a transferência do dinheiro 

Sem desconfiar do golpe, o mecânico fez um depósito de R$ 75 mil, confirmado pela anunciante Priscila. No dia seguinte, ele e o irmão notaram que a foto da mulher não estava mais visível no celular, e ambos foram bloqueados por ela. 

“Aí eu falei, ‘meu Deus do céu. Foi golpe’. Aí que eu caí em si. Foi golpe. Tô me sentindo péssimo. Já chorei demais porque é um dinheiro muito suado”, contou o mecânico ao Costa Norte.

A vítima denunciou o golpe à polícia de Praia Grande, mas as golpistas não haviam sido identificadas nem presas. 

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM