PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Estudantes aprimoram aptidões com disciplinas optativas

Foto: Arquivo pessoal
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Professores exaltam interesse dos alunos por temas além das matérias curriculares

Os estudantes do Ensino Médio do Centro Educacional Moriah, no Gopoúva, já terminaram o primeiro módulo da Plataforma Itinerários Inteligência Jovem, em parceria com a Escola da Inteligência, que oferece disciplinas eletivas. A empolgação dos alunos tem chamado a atenção dos professores.


A implantação de disciplinas optativas será obrigatória em todo país em 2022, por determinação do Ministério da Educação. O Moriah antecipou a experiência para este ano e percebeu uma maior dedicação dos estudantes.

O professor de Matemática Fernando Rauschkolb, 29 anos, é tutor de Educação Financeira. Ele comentou que os alunos têm feito descobertas para as suas vidas. Muitos nunca tinham visto uma fatura de cartão de crédito e desconheciam como funciona uma conta bancária.

Na opinião de Rauschkolb, a conscientização sobre o uso do dinheiro é um dos principais pilares da disciplina. “Um trabalho que fizemos foi questionar qual é o desejo dos alunos depois do Ensino Médio. Eles fizeram o planejamento de quanto precisam poupar para alcançar os objetivos. Tem aluno que já faz estágio, outros recebem mesada. Poupar um pouco e gastar menos com coisas fúteis é o melhor caminho”, comentou.

Foto: Arquivo pessoal

Cada um com o seu gosto

Nas disciplinas optativas, os alunos escolhem aquilo que preferem. Educação Financeira, por exemplo, chamou a atenção de muitos adolescentes que têm afinidade com Matemática. Já em Cidadania e Direitos Humanos, a preferência foi de estudantes que desejam fazer graduação na área de Humanas.

A professora Keli Cristina Metzker, 36, é a tutora de Cidadania e Direitos Humanos. Nessa primeira turma, apenas meninas se inscreveram. Elas acessam as aulas pela plataforma, onde têm acesso a vídeos, e-books e questionários. As dúvidas são enviadas para a tutora, que destaca a curiosidade e o sentimento crítico das jovens. “A parte política está aflorada no país. Elas aprendem o que é o governo, além dos direitos e deveres dos cidadãos.”

Neste primeiro momento são oferecidos os cursos de Cidadania e Direitos Humanos, Fotografia Digital, Educação Financeira, Princípios da Gastronomia, Libras, Fundamentos da Cultura Maker, Filosofia e Sociologia para Redação, Astronomia e Produção de Conteúdo para Redes Sociais.

Cada disciplina terá 40 horas, um projeto de conclusão e será realizada de forma remota. Os alunos do Ensino Médio precisam escolher duas optativas no ano.

A unidade Gopoúva do Centro Educacional Moriah fica na Alameda Yayá, 61, Telefone (11) 2443-5868, e atende os alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio. O colégio também possui a unidade Picanço, na Rua Cachoeira, 87, Telefone (11) 2086-0458, que atende do Berçário e Anos Iniciais do Ensino Fundamental.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM