PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

Doria decreta quarentena em todo o Estado de São Paulo

Foto: Governo do Estado de São Paulo
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

PUBLICIDADE

O governador João Doria (PSDB) anunciou neste sábado, 21, um decreto de quarentena em todo o Estado de São Paulo, com fechamento de todas as atividades não essenciais de 24 de março, terça-feira, até o dia 7 de abril.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Durante o anúncio, Doria elogiou o trabalho dos profissionais de saúde e afirmou que hospitais, clínicas, farmácias e clínicas odontológicas, públicas e privadas, continuam em funcionamento.

Supermercados, hipermercados, padarias e açougues continuam com autorização para funcionar. Serviços de alimentação preparada deverão ser suspensos e, se desejarem, podem ser transformados em delivery.

Outros serviços que poderão funcionar normalmente são transportadoras, armazéns, postos de gasolina, oficinas, transporte público, apps de transporte individual e call centers continuam em operação “com os cuidados e os resguardos que cada um deve ter”.

Outros serviços que continuam em operação: segurança (pública e privada), limpeza e manutenção, bancos e serviços bancários em lotéricas continuam funcionando normalmente.

“Fábricas e indústrias não atuam diretamente com o público e seu funcionamento é vital para evitar o desabastecimento do País. Nenhuma das medidas atinge o funcionamento das indústrias”, disse Doria.

De acordo com o governador, todas as Prefeituras de São Paulo emitiram comunicados e informarão quais as ações que devem ser tomadas.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE