Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.

Com 98% de UTI ocupadas, Guti culpa PT por bloqueio de recursos para novos leitos

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Reprodução/Facebook
Error: Embedded data could not be displayed.

Com 98% dos leitos de Unidade Terapia Intensiva ocupados, tanto na rede municipal quanto na rede estadual, o prefeito Guti (PSD) afirmou que está sem recursos para abrir novos leitos na cidade e culpou uma liminar obtida pelo Partido dos Trabalhadores que bloqueou a utilização de recursos de fundos municipais.

A declaração foi dada durante live realizada no Facebook, nesta quarta-feira, 20, em que o prefeito atualizou dados do impacto e medidas de combate contra o novo coronvírus.

“Nós temos uma margem pequena para receber pessoas e tratá-las nos leitos. O que nós estamos fazendo, correndo contra o tempo, tentando arrumar recursos, para instalar novos leitos nos lugares que nós temos ou alugar leitos na iniciativa privada, o que for mais barato”, disse o prefeito.

“Porém, na Justiça, tivemos um revés, provocado pelo PT, que foi à Justiça para impedir o orçamento de guerra, um orçamento que os vereadores votaram para que a gente conseguisse remanejar recursos de fundos para que a gente conseguisse combater o covid da melhor forma possível”, disse o prefeito.

“Infelizmente temos uma liminar, estamos com o nosso corpo jurídico trabalhando nela, mas se agente não conseguir liberar recursos de outros fundos para que a gente consiga contratar, instalar novos leitos, vai ficar mais difícil, mas o nosso time está trabalhando para isso”, disse o prefeito.

Em nota, o deputado Alencar Santana (PT) um dos responsáveis pela liminar, afirmou que “daremos total apoio ao governo nas medidas necessárias no combate ao covid-19, mas não seremos tolerantes com o mau uso do recurso público”.

De acordo com Alencar, Guti “queria usar o combate ao covid-19 como desculpas para continuar superfaturando contratos como as máscaras 500% mais caras, os hamburgers dos amigos e outras questões. MP e judiciário foram rápidos em propor e decidir porque viram que a lei do cheque em branco é inconstitucional”.

Error: Embedded data could not be displayed.
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram

Veja também...

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.