PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Veterinária é suspeita de fraudar vacinação contra a covid em Guarulhos ao tomar três doses

Jussara Sonner - veterinária
Foto: Reprodução
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

Caso é investigado pela Prefeitura

Uma médica veterinária de Arujá é investigada pela Prefeitura de Guarulhos por ter tomado três doses de vacinas contra o coronavírus. Jussara Sonner conseguiu driblar os agentes de Saúde e ainda zombou deles nas redes sociais.


“Fui em um bairro meio que de favela em Guarulhos, onde não havia computadores para verificação online. Uma sorte! Anotaram meus dados numa folha timbrada. Quando cair no sistema será tarde demais”, afirmou.

A mulher fez uma postagem nas redes sociais dizendo que “se sente mais protegida e liberada para viajar”, porém, a retirou depois.

Em fevereiro, a suspeita tomou a primeira dose da Coronavac na UBS Vila Fátima. No mês seguinte, no mesmo posto de saúde, recebeu a segunda dose.

Na quarta-feira (30), na UBS Uirapuru, ela recebeu a vacina da Janssen, a mais desejada por ser de apenas uma dose.

A atitude da médica é considerada ilegal, já que a vacina da Janssen deveria ser destinada a uma pessoa que ainda não foi imunizada.

O vereador Edmilson Souza (Psol) entrou com uma representação criminal na Justiça contra a veterinária. “É um absurdo que enquanto Guarulhos atinge a marca de 4.275 óbitos por COVID, uma negacionista fure a file, fraude a vacinação e ocupe o lugar de quem mais precisa. Precisamos investigar e punir”, destacou.

Ao UOL, a Prefeitura confirmou que investiga o caso, apura falhas nos procedimentos internos e encaminhou a denúncia ao Ministério Público Estadual.

O GRU Diário não localizou Jussara. O espaço está aberto à manifestação.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM