fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Setor de Tecnologia foi essencial para driblar obstáculos da pandemia da covid-19

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Crise sanitária impulsionou transformação digital nas empresas

Há quase dois anos o mundo foi surpreendido pela pandemia do novo coronavírus. Nos primeiros meses de adaptação ao chamado “novo normal”, a tecnologia se mostrou essencial e permitiu que as pessoas trabalhassem de casa, que as aulas de escolas e universidades fossem remotas e que as famílias se aproximassem ainda mais.

Iniciou-se uma corrida em busca do desenvolvimento de uma vacina, de profissionais de saúde e hospitais que dessem conta de atender tantas pessoas de uma vez e também de recursos tecnológicos para que as atividades do dia a dia fossem mantidas, tudo precisou ser muito rápido.

Um estudo da IBM divulgado em outubro de 2020, ainda nos primeiros meses da pandemia, contou com executivos de diversos países e revelou que quase seis a cada dez empresas aceleraram as transformações digitais por conta da pandemia e que 66% dos entrevistados encontravam resistência para realizar esses procedimentos antes. Outro dado interessante apontado na pesquisa é que 51% disseram que a transformação digital será prioridade para os próximos 2 anos.

Ao contrário do que aconteceu com a economia de maneira geral, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a atividade de informação e comunicação, que abrange a área de TI no Produto Interno Bruto (PIB), cresceu 5,6% no segundo trimestre de 2021.

Para o Giovani Pacifico, diretor de produtos e vendas da Zyxel Brasil, multinacional taiwanesa especializada em soluções de conectividade e redes corporativas, já era previsto que as atividades remotas como teletrabalho, telemedicina e o ensino à distância crescessem nos próximos anos, mas esse processo foi acelerado pela pandemia.

 “A transformação digital é um caminho sem volta e tudo isso que o mundo está passando apenas a impulsionou. Agora estamos na fase de aprimorar as soluções que as empresas adotaram para que pudessem retomar suas atividades, mas acredito que grande parte das barreiras que impediam a digitalização foram derrubadas e que todas essas conquistas serão mantidas no pós-pandemia. A chegada do 5G também promete muitas mudanças”, afirma o executivo.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM