fbpx
PUBLICIDADE

Primeira vacinada do Brasil contra a covid-19 recebe a segunda dose

Foto: Reprodução/Facebook/Governo do Estado de São Paulo
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Mônica Calazans é enfermeira do Hospital Emílio Ribas

Em coletiva de imprensa, no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista, a enfermeira Mônica Calazans, de 54 anos, recebeu a segunda dose da vacina do Instituto Butantan nesta sexta-feira (12). Ela foi a primeira vacinada contra o coronavírus do Brasil, em 17 de janeiro, data em que a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorizou a utilização emergencial do imunizante no país.

Ao lado do governador João Doria (PSDB), Mônica foi imunizada novamente. Ela reclamou de ter sofrido perseguição nas redes sociais após ter recebido a primeira dose da vacina.

“Ser imunizada pela segunda vez não me dá o direito de sair sem máscara e deixar de usar álcool em gel, até que todos nós estejamos imunizados. Eu estou aqui por uma classe, que é a enfermagem. Tenho muito orgulho da minha profissão”, afirmou.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM