PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PMs que pisaram em pescoço de mulher negra são afastados

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Reprodução/ TV Globo

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Imagens divulgadas pelo Fantástico mostram policial que pisa no pescoço da comerciante, que ainda teve uma perna quebrada.

Um policial militar que pisou sobre o pescoço de uma comerciante negra, de 51 anos, durante uma fiscalização ao bar dela – aberto durante a quarentena – foi afastado junto de um colega.

O caso aconteceu em Parelheiros, extremo da Zona Sul da Capital e veio à tona no domingo, 12, em imagens divulgadas pelo Fantástico, da TV Globo.

A ocorrência é de um sábado, 30 de maio, quando vizinhos reclamaram de um carro com som alto em frente ao local e chamaram a polícia. Uma viatura chegou ao estabelecimento para verificar o problema.

De acordo com a dona do bar, os PMs começaram a agredir um dos rapazes que estavam no bar. Ela conta que pediu para o PM parar com a violência.

“Eu pedi para o policial pra parar e ele me empurrou na grade do bar, me deu três socos, me deu uma rasteira para me derrubar, ele quebrou minha tíbia”, disse a comerciante.

Ela conta que ainda teve o rosto pressionado contra o chão enquanto o PM a imobilizava com um pisão no pescoço.

Em suas redes sociais, o governador João Doria (PSDB) demonstrou repúdio ao ocorrido.

“Os policiais militares que agrediram uma mulher em Parelheiros, na Capital de SP, já foram afastados e responderão a inquérito. As cenas exibidas no Fantástico causam repulsa. Inaceitável a conduta de violência desnecessária de alguns policiais. Não honram a qualidade da PM de SP”, escreveu o governador.

A mulher, viúva, com cinco filhos e dois netos, vive do comércio local e chegou a ficar presa por um dia. Depois de ser liberada teve de ser encaminhada para uma cirurgia e teve de fazer 16 pontos na perna.

Os policiais alegaram que a vítima tentou atacá-los com uma barra de ferro e eles tiveram de se proteger. Não há imagem, neste momento, que confirme esta afirmação.

PUBLICIDADE

Previous
Next

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Error: Embedded data could not be displayed.
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM