fbpx
PUBLICIDADE

PF faz operação de combate a fraudes em alvarás judiciais em Guarulhos

Operação Persuasão x Polícia Federal
Foto: PF
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Envolvidos no esquema pretendiam sacar R$ 62 milhões

A Polícia Federal deflagrou a operação Juízo Paralelo, nesta quarta-feira (21), para desarticular organização criminosa que atuava na emissão fraudulenta de certificados digitais em nome de magistrados da Justiça do Trabalho, visando à expedição de alvarás ideologicamente falsos.

Na ação, os policiais federais cumpriram quatro mandados de busca e apreensão, expedidos pela 8ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, nas cidades de Guarulhos, Taubaté, São Caetano e São Paulo.

A soma dos valores que se pretendia sacar com os alvarás falsificados é de aproximadamente R$ 62 milhões, tendo havido o efetivo prejuízo à União de R$ 4 milhões, com saques indevidos por meio de alvarás fraudulentos.

Os investigados responderão pelos crimes de organização criminosa, estelionato qualificado, falsidade ideológica e falsidade de documento público.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM