fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Laboratório chinês vai destinar 60 milhões de doses da vacina da covid-19 para o Brasil

Dimas Covas
Foto: Governo do Estado de São Paulo
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Estado de São Paulo divulga na próxima semana critérios para os voluntários

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, informou nesta quarta-feira (1º) que foram selecionados os 11 centros de pesquisas que serão responsáveis pela seleção de voluntários para a vacina contra a covid-19, produzida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech. A previsão é que, no final do processo, o Brasil receba 60 milhões de doses.

“Os candidatos serão incluídos de acordo com os critérios que serão apresentados na semana que vem”, explicou Covas. Os voluntários serão acompanhados diariamente por um controlador internacional. O prazo de estudos em humanos ainda não é estimado. “É provável que antes do final do ano tenhamos esses resultados”, aponta.

Nenhum centro da vacina será instalado em Guarulhos. Os mais próximos para os guarulhenses estão na capital paulista: Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, Instituto Emílio Ribas e Hospital Albert Einstein.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM