PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Justiça suspende extinção da Proguaru

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Proguaru protesto
Foto: reprodução/Facebook/Proguaru

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.

Câmara aprovou o fechamento da empresa nesta sexta-feira

Na noite desta sexta-feira (18), o juiz Rafael Tocantins Maltez, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Guarulhos, deferiu liminar que suspende os efeitos do projeto de lei que extinção da Proguaru, que foi aprovado pela Câmara Municipal no período da tarde, a pedido da vereadora Genilda Bernardes (PT).

Maltez já tinha suspendido a tramitação do projeto de terceirização de alguns setores não pedagógicos das escolas municipais.

Na decisão, o juiz alega que o projeto tramitou no Legislativo em apenas dois dias, sem ampla discussão com a sociedade. “Nem os próprios vereadores tiveram tempo hábil para se informar”, comentou.

Em live, antes da decisão ser divulgada, o prefeito Guti (PSD) afirmou que a empresa estava em situação de falência e não sobreviveria até 2022.

Se for extinta, a Proguaru irá demitir 4,7 mil funcionários, sendo 4,2 mil concursados pela CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).

Ontem, milhares de servidores da empresa de economia mista protestaram na frente da Câmara contra as possíveis demissões.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE