Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.

Jovem da Fundação Casa Guarulhos aprende computação em curso de Harvard

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
jovem da fundação casa faz curso em Harvard
Error: Embedded data could not be displayed.

Assistente social inscreveu jovem que demonstrou interesse em se aperfeiçoar na área

Um adolescente, de 18 anos, que cumpre medida socioeducativa de internação na Fundação CASA, em Guarulhos, iniciou em agosto um curso básico on-line de ciência da computação da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, cuja oferta no Brasil ocorre por meio da Fundação Estudar. 

De acordo com o Artigo 2º, do Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), considera-se adolescente a pessoa entre doze e dezoito anos de idade.  

A ligação veio do assistente social Jefferson Rocha Firmino, que integra a equipe de referência do adolescente. Em um dos atendimentos, o jovem contou que tinha interesse em se aperfeiçoar na área da computação.

Ao ver a notícia sobre o curso em um portal da internet, Firmino não teve dúvidas em conversar com o adolescente e oferecer a formação, que é a distância e gratuita. “Esse curso poderá proporcionar a ele um olhar mais apurado de uma área que ele tem tanto interesse, aumentando o leque de oportunidades sobre o trabalho”, avalia o assistente social.

Chamado de CC50, o curso é versão em português do CS50, de Harvard, originalmente ministrado em língua inglesa. Trata-se de uma introdução à ciência da computação, cuja versão em português foi traduzida por Gabriel Guimarães, bolsista da Fundação Estudar.

A formação ensina, por meio de vídeos e conteúdos escritos complementares, fundamentos da área, como o funcionamento dos computadores e da internet, além de introduzir à lógica da programação, que auxilia o estudante a compreender as diversas linguagens de programação.

O adolescente deverá concluir a formação em até dez meses, conciliando com a agenda pedagógica ministrada no centro socioeducativo. “É um piloto e, se os meninos tiverem interesse, poderemos estender a mais jovens”, explica a coordenadora pedagógica do CASA, Michele Oliveira.

Error: Embedded data could not be displayed.
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram

Veja também...

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.