fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Haddad propõe Bom Prato para estudantes de baixa renda

Haddad e Márcio França fazem campanha em São Paulo
Foto: Diogo Zacarias
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Petista quer liberar entrada de animais de estimação nos restaurantes

O candidato ao Governo do Estado, Fernando Haddad (PT), disse que vai reformular o restaurante Bom Prato e levá-lo para todas as regiões do Estado do São Paulo. A proposta, apresentada nesta segunda-feira (12) no distrito de São Mateus, ainda prevê a criação de unidades voltadas a estudantes de baixa renda e a liberação para que usuários acessem os locais com seus animais de estimação.

“Às vezes a população em situação de rua tem um animal de estimação e não consegue entrar no Bom Prato, porque não tem onde deixar. Vamos adaptar os restaurantes às condições das pessoas em geral. O Bom Prato estudantil também vai fazer muito sucesso. Muita gente deixou os estudos porque não tem acesso a moradia e alimentação estudantil”, explicou o petista, que visitou o distrito ao lado de Márcio França (PSB), candidato ao Senado.

Hoje a rede de restaurantes do Bom Prato conta com um total de 60 unidades, sendo 22 na capital, 12 na região metropolitana, 8 no litoral e 18 no interior do estado.

Haddad disse que vai aumentar as alíquotas de resgate da NFP (Nota Fiscal Paulista), reduzida nos últimos anos, e destinar os recursos do programa para a recuperação das Santas Casas do Estado e também para fortalecer o trabalho realizado por entidades sociais.

“Eu vou resgatar a NFP para apoiar tanto as entidades hoje beneficiadas, como ajudar a saúde pública, sobretudo as Santas Casas”, reiterou o candidato.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM