fbpx
PUBLICIDADE

Guti descarta volta às aulas sem queda brusca das mortes pelo coronavírus

Foto: Reprodução/Facebook/Guti
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Estado vai reavaliar retomada após estimativa de aumento de óbitos de crianças

O prefeito de Guarulhos, Guti (PSD), afirmou que não há previsão de retorno das aulas a curto prazo. Ele fez live nas redes sociais, nesta quinta-feira (16), e comentou apenas será possível discutir isso quando houver “forte tendência” de queda das mortes pelo novo coronavírus.

Segundo a Prefeitura, 883 guarulhenses morreram pela covid-19. São 12.524 casos notificados da doença. Em maio, Guti chegou a dizer que as aulas poderiam retornar em agosto. Agora, entende que não há como estipular nenhum prazo. “Estamos planejando, mas sem data fixa”, disse.

A gestão do governador João Doria (PSDB) tinha definido o retorno das aulas nas escolas estaduais e particulares em 8 de setembro. A data, entretanto, deve ser revista pelo Centro de Contingência do Coronavírus do Estado de São Paulo. As autoridades sanitárias avaliam estudo do epidemiologista e matemático Eduardo Massad, que apontou que 17 mil crianças devem morrer com a retomada do ano letivo.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM