fbpx
PUBLICIDADE

EDP realizou mais de 33 mil fiscalizações em Guarulhos para combater furto de energia

Foto: Divulgação/EDP
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Ações ocorreram em 2022 e contribuíram para recuperar energia suficiente para abastecer duas cidades em 30 dias

Combate ao furto de energia: A EDP, distribuidora de energia elétrica de Guarulhos, executou 33.622 fiscalizações em campo no ano de 2022 na cidade, segundo o balanço das ações de combate ao furto de energia. De acordo com a empresa, o volume de energia recuperada, mais de 65 mil MWh, é aproximadamente o equivalente ao consumo dos municípios Ferraz de Vasconcelos, Poá e Guararema juntos por um mês.

“Os investimentos robustos da EDP em tecnologia têm sido fundamentais para o combate a esse crime. A detecção de potenciais alvos de irregularidade é realizada por meio da análise, em boa parte feita computacionalmente por meio de algoritmos, métodos e ferramentas estatísticas, dos diversos padrões de consumo dos clientes”, diz comunicado da empresa.

A companhia afirma que também mantém um treinamento intenso das equipes para uma atuação cada vez mais eficaz. As inspeções em campo são realizadas por equipes técnicas com treinamento e equipamentos específicos para identificar manipulações nos medidores ou qualquer anormalidade na rede.

Crime

Previsto no Artigo 155 do Código Penal Brasileiro, o furto de energia é crime: “Subtrair, para si ou para outrem, coisa alheia móvel: pena de reclusão, de 01 (um) a 04 (quatro) anos, e multa”. E, conforme a regra da Resolução Aneel, é realizada a cobrança de toda energia não faturada durante o período da irregularidade e o custo administrativo.

A ação ilegal pode provocar sobrecarga na rede elétrica, com prejuízo para a população, que sofre com a interrupção ou oscilação do fornecimento para sua residência, comércio e nas vias públicas. As ligações irregulares trazem ainda o risco de acidentes mais sérios, como a morte do infrator ou de terceiros, pois os cabos da rede elétrica sempre estão energizados, além de prejudicar a sociedade como um todo, já que não há arrecadação de impostos sobre a energia consumida.

Com intuito de coibir cada vez mais o furto de energia, a EDP pede que a população contribua denunciando as ligações irregulares. Para tanto, disponibiliza os canais de atendimento aos consumidores: pelo site www.edponline.com.br, aplicativo EDP Online, Agências de Atendimento presencial e a Central de Atendimento ao Cliente, no 0800 721 0123, que funcionam 24 horas e com ligação gratuita. O sigilo é total, e a inspeção realizada com a máxima urgência.

Conscientização

A Distribuidora desenvolve projetos sociais e de Eficiência Energética para conscientizar as comunidades sobre o uso energia elétrica, promovendo trabalhos em comunidades carentes, a fim de mostrar o perigo e o prejuízo que as ligações irregulares de energia oferecem à população.

Além disso, a EDP orienta os clientes que estão fora do sistema da Distribuidora, tais como os desligados e, também, os ligados clandestinamente, que procurem uma das suas Agências de Atendimento para efetuarem sua regularização e a negociação dos débitos.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM