Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.

Doria prorroga quarentena até 22 de abril e ataca Bolsonaro

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Governo do Estado de São Paulo
Error: Embedded data could not be displayed.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), decidiu prorrogar a quarentena em todo o Estado por mais 15 dias. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (6), no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista.

A quarentena, que impede os comércios não essenciais de abrirem as portas, além de proibir eventos com aglomeração de pessoas, iria durar até amanhã (7). Com a extensão, as restrições serão mantidas até o dia 22 de abril.

Doria seguiu a orientação dos especialistas do Centro de Contingência do Coronavírus, coordenado pelo infectologista David Uip, que se recuperou após ter contraído o covid-19

Contrariado com o posicionamento do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), ele fez um discurso duro contra os que defendem o fim da quarentena.

“Será que um único presidente da república no mundo é o certo?”, questionou.

O governador foi ainda mais incisivo.

“Aqueles que me pressionam por whatsapp, telefonemas e cartas para agirmos contra nossos princípios e da medicina, pergunto: vocês estão preparados para assinar atestados de óbitos?”

Em Guarulhos, o prefeito Guti (PSD) já tinha definido o fechamento dos comércios não essenciais até 22 de abril.

Error: Embedded data could not be displayed.
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram

Veja também...

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.