PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

Deputada Carla Zambelli chama Moro de maligno e confirma troca de mensagens

Foto: divulgação
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

PUBLICIDADE

Em suas redes sociais, a deputada Carla Zambelli (PSL-SP) chamou o ex-ministro da Justiça Sergio Moro de “maligno” por expor a troca de mensagens em que ela pede para que ele aceite o nome de Alexandre Ramage como diretor da Polícia Federal.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

De acordo com o registro da conversa enviado por Moro ao Jornal Nacional, divulgados na noite desta sexta-feira, 24, a deputada pediu “Por favor, ministro, aceite o Ramage”, e diz que ajudaria Moro a chegar ao Supremo Tribunal Federal como retribuição.

“Não estou a venda”, respondeu Moro. Em seguida o ex-ministro explicou que na mensagem seguinte afirma para a deputada que já existem conversas pela manutenção no nome de Maurício Valeixo no cargo, homem de confiança de Moro.

“Vazar pro Jornal Nacional como se fosse algo ilícito, como se eu tivesse feito uma coisa ilícita. Achei extremamente maligno. Não gostei do que ele fez”, declarou a parlamentar em um vídeo divulgado em rede social.

A deputada disse não estar com raiva, mas decepcionada, triste com a atitude do ministro. Moro foi padrinho de casamento de Carla Zambelli.

A deputada disse que continua a apoiar Bolsonaro e que lamenta a saída de Moro. “A verdade é que todos os 57 milhões de pessoas votaram em Bolsonaro”, ressaltou Zambelli. “E quando nós votamos no Bolsonaro o Moro não estava sequer no jogo”, complementou.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE