fbpx
PUBLICIDADE

Covas confirma morte de paciente em fila por leito e deve antecipar feriados para conter avanços da covid-19

Bruno Covas
Foto: reprodução/Globo News
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Em entrevista à Globo News, prefeito da Capital descartou Lockdown

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), confirmou a morte de um paciente com covid-19 que não conseguiu atendimento na rede pública municipal de saúde. A declaração foi dada durante entrevista ao canal Globo News, nesta quinta-feira (18).

“Infelizmente, nós tivemos o primeiro caso, na Zona Leste de São Paulo, uma pessoa faleceu sem conseguir atendimento aqui na cidade. Infelizmente a gente vê colapsando o sistema de saúde”, disse o prefeito.

De acordo com ele, 395 pessoas estão aguardando leitos para atendimento na capital paulista.

“Há um limite. A gente não consegue dobrar, triplicar, quadruplicar a quantidade de leito, as pessoas precisam respeitar o isolamento social para a gente diminuir a contaminação. Essa segunda onda mudou o quadro que nós enfrentamos no ano passado”, afirmou o prefeito.

O tucano descartou a possibilidade de realizar um lockdown na cidade, mas afirmou que pretende antecipar feriados.

“Essa medida se mostrou eficiente no ano passado, é uma das que a gente pode anunciar agora no final da manhã”, disse Covas.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM