PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Cia do Caminho Velho apresenta o espetáculo Licantropia Sintético

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Licantropia
Foto: divulgação

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Grupo fundado na Unifesp de Guarulhos lança espetáculo virtual financiado com recursos federais da Lei Aldir Blanc e contemplado por meio de edital do PROAC Expresso Lab

Nos dias 21, 22 e 23, às 16h e às 20h, e nos dias 24 e 25 de abril, às 20h, a Cia do Caminho Velho apresenta Licantropia Sintético, espetáculo virtual exibido pelo canal do coletivo no YouTube (clique aqui para acessar). Licantropia Sintético é um projeto financiado com recursos federais da Lei Aldir Blanc, contemplado por meio de edital do PROAC Expresso Lab.

No espetáculo, um menino é quem guia os telespectadores nas rememorações de sua infância. Ele envelhece e se torna um homem, mas, na peça, ele nunca deixa de ser menino. E é esse menino que volta à casa com os lírios amarelos de seu pai para tentar entender o que aconteceu com ele numa madrugada de febre, quando ouvia os lamentos de um ser que ele tinha certeza ser um lobisomem.

Adaptado para o ambiente virtual por conta da pandemia, Licantropia Sintético foi a forma que o coletivo encontrou para continuar criando mesmo em tempos de distanciamento social.  O termo sintético faz referência a esse momento, porque o corpo agora é também o celular, as telas e outras coisas repletas de materiais sintéticos.

“A peça, que está sendo gravada em casa pelos próprios atores, é a nossa janela, que serve mesmo que de forma temporária para encontrar os nossos vizinhos”, explica Alex Araújo, diretor do espetáculo. As apresentações são abertas ao público em geral, estudantes de cursinhos comunitários, alunos de escolas públicas e instituições e grupos culturais.

Sobre a Cia do Caminho Velho

A Cia do Caminho Velho nasceu em 2007 a partir de um movimento de alunos do campus de humanas da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), localizado no bairro dos Pimentas, em Guarulhos. O coletivo de teatro realiza um trabalho contínuo de apresentações de peças, mostras e oferecimento de cursos. Seus integrantes trabalharam e se formaram em grupos e instituições como SP Escola de Teatro, CPT do SESC, Núcleo de Artes Cênicas, Cia. Club Noir e Escola Livre de Teatro de Santo André. O coletivo já produziu as peças: Sereias, e Bonita (ambas escritas por Dione Carlos), Piche (com dramaturgia de Alex Araújo) e Nomen (escrita por Bruno Feldman e criada em parceria com a Cia do Pássaro – Voo e Teatro).

O coletivo acredita na potência da região como um espaço propício para a criação e na importância de ter nele um teatro vivo e ativo, que possa ser construído em conjunto com a população local. Para tanto, oferece periodicamente cursos e oficinas gratuitas de teatro, colaborando com a formação de atores e de público.

Para ficar por dentro dos espetáculos, inscreva-se canal do YouTube do coletivo e ative as notificações. Para conhecer mais sobre a Cia do Caminho Velho, acesse: https://www.facebook.com/ciadocaminhovelho.

Serviço

Cia do Caminho Velho apresenta Licantropia Sintético

  • Dias 21, 22, 23 de abril, às 16h e às 20h
  • Dias 24 e 25 de abril, às 20h
  • Espetáculo virtual exibido pelo YouTube

Ficha Técnica

  • Dramaturgia: Tadeu Renato
  • Direção: Alex Araújo
  • Com: Carolina Erschfeld, William Simplício e Valéria Rocha
  • Cenografia e Figurino: Telumi Hellen
  • Sonoplastia: Carlos Ronchi
  • Assistência de Direção: Daiane Sousa
  • Designer gráfico: Fernando Sato

PUBLICIDADE

Previous
Next

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Error: Embedded data could not be displayed.
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM