PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Campanha de vacinação contra a pólio e de atualização da caderneta começa na segunda-feira

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: Fábio Nunes Teixeira/PMG

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

Meta é colocar em dia as vacinas das crianças e adolescentes

Terá início na próxima segunda-feira (5) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e de Multivacinação, para atualização da caderneta de crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade.

A meta é colocar em dia as vacinas do calendário vigente, além de imunizar indiscriminadamente contra a poliomielite pelo menos 95% da população na faixa etária de 12 meses até menores de cinco anos de idade, mesmo os que já tenham tomado as doses anteriormente. Já os bebês com menos de um ano terão seu esquema vacinal atualizado.

A campanha se estende até 30 de outubro e, no sábado (dia 17), todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) vão funcionar das 8h às 17h para intensificar a imunização durante o Dia D de Mobilização Nacional.

Vale destacar que, mesmo em tempos de pandemia de Covid-19, não se pode descuidar das demais doenças. Por isso, a iniciativa tem por objetivo aumentar a cobertura vacinal em todo o País e, assim, garantir a proteção contra várias doenças, contribuindo para a sua eliminação.

De acordo com o Ministério da Saúde, o envolvimento das três esferas de governo nas ações de imunização tem confirmado resultados exitosos, como a eliminação da rubéola, da síndrome da rubéola congênita e também da pólio que, embora sua erradicação esteja avançando no mundo todo, é imprescindível que tenha altas coberturas vacinais para que não seja reintroduzida em locais onde já foi eliminada.

No Brasil, as campanhas nacionais de vacinação contra a pólio tiveram início em 1980, o que tem garantido o país livre da doença. O último caso registrado em território nacional foi em 1989. Desde então, o país não apresentou casos de poliomielite e recebeu o certificado de área livre de circulação do poliovírus selvagem em 1994.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE

Error: Embedded data could not be displayed.

PUBLICIDADE