Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.

Bispos católicos pedem que fiéis escutem as orientações do Estado sobre pandemia

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Foto: CNBB
Error: Embedded data could not be displayed.

Dom Edmílson Amador Caetano assina nota do Regional Sul 1 da CNBB

Após o Brasil ultrapassar a marca de 20 mil mortes pelo novo coronavírus, os bispos paulistas, reunidos no Regional Sul 1 da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), na última quarta-feira (20), decidiram emitir nota oficial para orientar os fiéis. Eles anunciaram que há “necessidade de se ter como ponto de partida as orientações emanadas do Governo do Estado, passíveis de desdobramentos diferenciados nos mais diversos municípios”.

A nota é assinada pelo presidente do Sul 1, Dom Pedro Luiz Stringhini, bispo de Mogi das Cruzes, e por dom Edmílson Amador Caetano, bispo de Guarulhos e vice-presidente do regional. O documento ignora orientações do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), que pede a reabertura dos comércios.

O Governo do Estado tem seguido as orientações do Centro de Contingência do Coronavírus – composto por especialistas -, que definiu que a flexibilização da quarentena deve seguir critérios técnicos, como a redução de novas infecções e disponibilidade de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

“É evidente que o descompasso entre as opiniões das autoridades responsáveis também contribui para um clima de confusão e desacato às medidas mais sensatas”, informa trecho do texto, sem citar quais autoridades são alvos da crítica.

Os bispos revelam preocupação com as precárias condições dos irmãos e irmãs em situação de rua e da população empobrecida das periferias, vulneráveis ao contágio e à fome. Eles argumentam que igrejas e instituições se empenham neste aspecto. “É também preocupante o crescente desemprego e a dificuldade dos empreendedores. Tudo isso requer um olhar particular e atento dos governantes”, diz a nota.

Na última semana, Bolsonaro participou de reunião com a Bancada Católica no Congresso Nacional e representantes de algumas instituições, como Rede Vida e TV Evangelizar. Ele admitiu que precisa se aproximar das lideranças católicas. No encontro, não houve participação de nenhum bispo.

Em live nas redes sociais, na Páscoa, Bolsonaro conversou com várias lideranças cristãs, mas nenhum bispo católico participou. No ano passado, representantes do Governo Federal sinalizaram insatisfação com a CNBB e o papa Francisco por conta do Sínodo da Amazônia.

Para ler a nota completa do Regional Sul 1 da CNBB, clique aqui.

Error: Embedded data could not be displayed.
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram

Veja também...

Error: Embedded data could not be displayed.
Error: Embedded data could not be displayed.