fbpx
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Bicho-preguiça resgatado no Jardim Paraíso é solto na Mata Atlântica

Foto: Divulgação/PMG
Compartilhe
PUBLICIDADE
Previous slide
Next slide

Morador viu que o animal estava em risco e ligou para a GCM Ambiental que fez a captura em segurança

A Inspetoria Ambiental da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos resgatou no início da noite desta terça-feira (13) uma preguiça-de-três-dedos (Bradipus variegatus) que corria risco de atropelamento e de ataque por cães, na avenida Silvestre Pires de Freitas, próximo às obras do Rodoanel, no Jardim Paraíso.

O animal foi visto por um morador que ligou para a Central de Atendimento da GCM (153). A equipe realizou a captura do animal em total segurança. O bicho-preguiça não estava ferido. Ele foi levado até a área de Mata Atlântica nos arredores, seu habitat natural, onde foi solta.

Bicho-preguiça

Graças às suas longas garras, bichos-preguiça vivem penduradas na vegetação, geralmente em copas de árvores. A alimentação baseia-se em folhas, raízes, frutos e brotos de árvores como a embaúba e a ingazeira. São animais pouco ágeis e que dormem aproximadamente 14 horas por dia. Assim, recorrem à camuflagem para não serem percebidos por seus principais predadores: onças, algumas serpentes e o gavião-real. No entanto, o que fornece risco real para o declínio das populações de bichos-preguiça são as intervenções dos humanos, que destroem seus habitats, caçam e capturam o animal para o comércio clandestino.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Previous slide
Next slide
Compartilhe
VEJA TAMBÉM